hr

STEPHAN SCHÄFER

hr

Bio Stephan Schäfer

'Desde 2003 é professor e docente responsável da área de conservação e restauro de pinturas e arte contemporânea no Departamento de Conservação e Restauro da Universidade Nova de Lisboa, Faculdade de Ciências e Técnologia. Nesta função tem trabalhado e colaborado extensamente com o Museu Nacional de Arte Contemporânea e o Museu Nacional de Machado de Castro, e a Culturgest Portugal.

Durante o ano de 2004 foi pesquisador convidado no grupo de “Molecular Painting Studies” dos projetos de pesquisa “De Mayerne” e “Van Gogh” no Instituto Holandês de Fisica Atomica e Molecular (AMOLF) em Amsterdã inclusive sobre as técnicas e materiais de “Vincent van Gogh”. Em 1993 graduou-se como mestre em conservação e restauração de arte e patrimônio cultural na Universidade de Ciências Aplicadas, Departamento de Conservação e Restauro, Colônia, Alemanha. Antes de ingressar na Univerisdade já havia cumprido 2 anos de estágio em conservação e restauro de obras de arte e madeira policromada no Museu Histórico de Hannover e estúdios particulares de conservação na Alemanha. Durante o período na faculdade fez um estágio de 9 meses em conservação e restauro no Museu da Província de Alberta, Canadá. Como parte de sua pós-graduação, estudou 3 semestres de química orgânica especializada em produtos naturais na Universidade de Colônia, Alemanha. Recebeu uma bolsa Fulbright como cientista-pesquisador e tornou-se assistente convidado na Universidade de Delaware, EUA onde executou pesquisa ao lado de Prof. Richard Wolbers de 1994 até 1996. Durante este período, continuou seus estudos ao nível pós-graduado em química analítica, ciências dos materiais e museologia na Universidade de Delaware, Estados Unidos, como também trabalhou no estúdio de conservação de pinturas no Museu Henry Francis DuPont em Winterthur Delaware junto com Prof. Richard Wolbers e Profa. Wendy H. Samet. Ali proferiu aulas e orientou alunos do curso de mestrado.

Em 1996 radicou-se no Brasil, onde ingressou e trabalhou por dois anos como pesquisador visitante em projetos de pesquisa no Instituto de química orgânica na Universidade de São Paulo (USP).

É sócio-diretor da Stephan Schäfer Conservação e Restauração Ltda., empresa de serviços de conservação e consultoria especializada em Conservação de Arte Contemporânea e Conservação Preventiva, trabalhos de desinfestação com métodos atóxicos e implementação de programas de Manejo Integrado de Pragas (MIP).